segunda-feira, 8 de outubro de 2012

Revelação de Nossa Senhora a Santa Brígida.


 
Palavras da Gloriosa Virgem Maria a Sua Filha sobre a forma de se vestir
e o tipo de roupas e ornamentos com que a Filha 
deveria ser adornada e vestida. 
(Revelações a Santa Brígida - Livro 1, capítulo 7)
 
 
Eu sou Maria, Aquela que deu à luz o Filho de Deus, que é verdadeiro Deus e verdadeiro Homem. Eu sou a Rainha dos Anjos. Meu Filho ama você com todo o Seu coração. Assim, ame-O também! Minha Filha, você deve adornar-te com roupas muito honestas e Eu mostrarei como e que tipo de roupas deve usar. Como antes, tinha uma anágua e outras sobrepostas como os sapatos, um manto e um broche sobre seu peito, agora suas roupas devem ser espirituais. 

Sua anágua devem ser a sua contrição, assim como essa peça de seu vestuário está bem unida ao corpo, a contrição deve estar bem unida a você, e como é a primeira a se colocar, assim também a contrição e a confissão são as primeiras formas de conversão para Deus. Através disso, a mente, que uma vez encontrou gozo no pecado, é purificada e a carne impura passa a ser controlada

Já os sapatos são duas disposições: a intenção de emendar-se em relação as transgressões passadas e o firme propósito de fazer o bem conservando-se longe do mal. Depois disso, as vestes que cobrem a sua nudez é a esperança em Deus. Igual a uma blusa que tem duas mangas, assim também são a veste espiritual, as mangas de justiça e de misericórdia, as quais estão ligadas a sua esperança. Desta forma, você esperará na misericórdia de Deus porque não negligenciou sua justiça. 

Pense em Sua justiça e em Seu juízo de forma a não esquecer de Sua misericórdia, porque Ele não aplica Sua justiça sem misericórdia e nem a misericórdia sem justiça. 

manto é a fé que, da mesma forma que cobre tudo e tudo é envolto por ele, na natureza humana pode-se entender tudo e, assim, atingir tudo através da fé. Esse manto deve ser ornado com as marcas do amor do seu Esposo, a marca de como Ele a criou, de como Ele a redimiu, de como Ele a alimentou e a trouxe para o âmago de seu Espírito, abrindo, assim, seus olhos espirituais. 

broche é o sinete de Sua Paixão e, afixado firmemente em seu peito, lhe traz ao pensamento os atos de escárnio e flagelo que sofreu, a cruel forma como Ele foi levantado vivo na cruz, ensangüentado e pregado a ela, o como Seu corpo todo padeceu mortalmente pela aguda dor da Paixão e Suas palavras ao encomendar Seu espírito nas mãos de Seu Pai. Esse broche precisa sempre estar sobre seu peito! Sobre sua cabeça, permita que haja uma coroa, a coroa da castidade que a ajudará a suportar os açoites que, de longe, podem manchá-la. Seja modesta e digna! Não pense em nada, deseja apenas seu Deus e Criador. Quando O tem, tem tudo. Adornada desta forma, espere por seu Esposo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário