segunda-feira, 15 de outubro de 2012

Santo Tomás e o boi voador.


 
«Os noviços são sempre noviços. Tinham-lhe dado a alcunha de “o boi mudo da Sicília”. (...) Pregavam-lhe partidas, brincando com a sua calma imperturbável e a sua confiança imediata. Só uma vez ele respondeu. Tinham gritado à sua janela: “Frei Tomás! Frei Tomás ! Venha ver depressa ... um boi a voar !”. Obedientemente, ele veio à janela, para ser recebido à gargalhada. “Acreditou! Acreditou! Palerma! Palerma!”. E Tomás disse imperturbável: “Prefiro acreditar que um boi pode voar do que um Dominicano possa mentir”. E o riso acabou.» (Episódios da vida de Santo Tomás de Aquino).

Nenhum comentário:

Postar um comentário