quarta-feira, 12 de julho de 2017

Catecismo Ilustrado - Parte 06 - 3º Artigo: Concebido pelo poder do Espírito Santo





Catecismo Ilustrado - Parte 06

O Símbolo dos Apóstolos

3º Artigo: Concebido pelo poder do Espírito Santo

O mistério da Encarnação

1. O mistério da Encarnação, contido no 2º e no 3º artigo do Símbolo, é o mistério do Filho de Deus feito homem.

2. O Filho de Deus fez-se homem tomando um corpo e uma alma semelhantes aos nossos no seio da bem-aventurada Virgem Maria, sua Mãe, por obra e Graça do Espírito Santo.

3. O Filho de Deus feito homem chama-se Jesus Cristo.

4. O nome de Jesus significa Salvador. "E lhe chamarão por nome Jesus, disse o anjo a São José, porque Ele salvará o seu povo dos seus pecados".

5. Chamamos ainda a Jesus Cristo Nosso Senhor, isto é, nosso Mestre, porque Ele nos criou e nos resgatou com o Seu sangue.

6. Jesus Cristo é Deus e homem no todo, porque tem duas naturezas, a natureza divina e a natureza humana.

7. Só há em Jesus Cristo uma pessoa, que é a pessoa do Filho de Deus.

Explicação da gravura

8. Esta gravura representa o anjo Gabriel saudando a Santíssima Virgem, quando ela orava na sua casa de Nazaré, e anunciando-lhe que Deus a escolhera para ser a mãe do Salvador. No mesmo instante, o Espírito Santo operou em Maria, por um grande milagre, o mistério da Encarnação.
Damos a seguir a narração da Anunciação e da Visitação, segundo o Evangelho de São Lucas.

A Anunciação

9. "Estando Isabel no sexto mês, foi enviado por Deus o anjo Gabriel a uma cidade da Galileia, chamada Nazaré, a uma virgem desposada com um varão chamado José, da casa de David; o nome da virgem era Maria. Entrando o anjo onde ela estava, disse-lhe: "Salve, ó cheia de Graça; o Senhor é contigo".

Ela, ao ouvir estas palavras, perturbou-se e discorria pensativa que saudação seria esta. O anjo disse-lhe: "Não temas, Maria, pois achaste Graça diante de Deus; eis que conceberás no teu ventre, e darás à luz um filho, a Quem porás o nome de Jesus. Será grande e será chamado Filho do Altíssimo, e o Senhor Deus Lhe dará o trono de Seu pai David; reinará sobre a casa de Jacob eternamente e o Seu Reino não terá fim"".

10. Maria disse ao anjo: "Como se fará isso, pois eu não conheço homem?"  O anjo respondeu-lhe: "O Espírito Santo descerá sobre ti e a virtude do Altíssimo te cobrirá com a Sua sombra; por isso mesmo, o Santo, que há-de nascer de ti, será chamado Filho de Deus. Eis que também Isabel, tua parenta, concebeu um filho na sua velhice; e este é o sexto mês da que se dizia estéril; porque a Deus nada é impossível". Então Maria disse: "Eis aqui a escrava do Senhor, faça-se em mim segundo a  tua palavra". E o anjo retirou-se dela."" (Lucas I, 26)

Visitação

11. "Naqueles dias, levantando-se Maria, foi com pressa às montanhas, a uma cidade de Judá. Entrou em casa de Zacarias e saudou Isabel. Aconteceu que, logo que Isabel ouviu a saudação de Maria, o menino saltou-lhe no ventre, e Isabel ficou cheia do Espírito Santo; e exclamou em alta voz: "Bendita és tu entre as mulheres, e bendito é o fruto do teu ventre. Donde a mim esta dita, que venha ter comigo a mãe do meu Senhor? Porque, logo que a voz da tua saudação chegou aos meus ouvidos, o menino saltou de alegria no meu ventre. Bem-aventurada a que acreditou, porque se hão-de cumprir as coisas que lhe foram ditas da parte do Senhor". Então Maria disse:

Cântico de Maria

"A minha alma glorifica o Senhor; e o meu espírito exulta de alegria em Deus meu Salvador, porque olhou para a humildade da Sua serva. Portanto, eis que, de hoje em diante, todas as gerações me chamarão ditosa, porque o Todo-poderoso fez em mim grandes coisas. O Seu nome é Santo, e a Sua misericórdia se estende de geração em  geração sobre aqueles que O temem. Manifestou o poder do Seu braço, dispersou os homens de coração soberbo. Depôs do trono os poderosos, elevou os humildes. Encheu de bens os famintos, e aos ricos despediu de mãos vazias. Tomou cuidado de Israel, Seu servo, lembrado da Sua misericórdia; conforme tinha prometido a nossos pais, a Abraão e à sua descendência para sempre". (Lucas I, 39-56)

Nenhum comentário:

Postar um comentário