terça-feira, 9 de julho de 2019

Catecismo Ilustrado - Parte 53 - 2º Mandamento da Igreja: Confessar-se ao menos uma vez cada ano - 3º Mandamento da Igreja: Comungar pela Páscoa da Ressurreição




Catecismo Ilustrado - Parte 53

Os Mandamentos

2º Mandamento da Igreja: Confessar-se ao menos uma vez cada ano

3º Mandamento da Igreja: Comungar pela Páscoa da Ressurreição

1. Estamos obrigados a este preceito logo que chegamos ao uso da razão e começamos a distinguir o bem e o mal.

2. Não se satisfaz a este preceito por uma confissão voluntariamente nula, porque a Igreja manda fazer uma confissão válida e frutuosa.

3. Além da confissão anual, devemos confessar-nos quando nos reconhecemos réus de pecado mortal e quando nos encontramos em perigo de morte.

4. É grande pecado para uma pessoa não satisfazer ao preceito da comunhão, porque é desobedecer à Igreja em matéria grave, desprezar o maior benefício de Deus, e dar escândalo ao próximo.

5. Quando a Igreja diz que nos devemos confessar ao menos uma vez no ano, e comungar ao menos na Páscoa da Ressurreição; quer que entendamos que o seu desejo é que os fiéis se confessem e comunguem mais a miúdo, porque é difícil viver cristãmente se nos confessarmos e comungarmos uma só vez no ano.

Explicação da gravura

6. Na parte superior da gravura, à direita, começa a representação das festas que a Igreja aconselha aos cristãos santificar pela recepção dos sacramentos da Penitência e da Eucaristia.

7. À esquerda, vê-se a Porta da Quaresma que a Igreja abre aos bons cristãos para os preparar por meio da oração e da penitência para a confissão e comunhão pascal. Nem todos os cristãos obedecem ao chamamento da Igreja; muitos preferem os prazeres mundanos ao cumprimento dos deveres religiosos.

8. Acima da porta da Quaresma, vê-se um confessionário onde os fiéis recebem o perdão das suas faltas, recuperam a paz da alma e a amizade de Deus. Da Cruz Nosso Senhor aplica-lhes os merecimentos de Seu Sangue e Morte. À direita do confessionário, veem-se os fiéis cumprindo o preceito da comunhão pascal, recebendo com a sagrada Eucaristia o penhor da vida eterna.

9. Na parte inferior da estampa, à direita, veem-se os israelitas reunidos à mesa para comer o cordeiro pascal. Sobre eles, um anjo com uma espada prepara-se para matar os primogênitos dos egípcios. Assim como os israelitas, que marcaram as suas portas com o sangue do cordeiro pascal e se alimentaram com a sua carne, foram poupados pelo anjo exterminador, assim os cristãos que pelo sacramento da Penitência purificam as suas almas no sangue de Jesus ena Eucaristia se alimentam da sua carne, evitarão a morte eterna.

10. Desde o tempo dos Apóstolos, os cristãos sempre se confessaram. No ângulo esquerdo inferior veem-se cristãos confessando-se a São Paulo.



Índice das sessenta e oito gravuras

Sumário

1.- Introdução

O Símbolo dos Apóstolos


2.- A Santíssima Trindade
3.- A Criação
4.- Incarnação - Transfiguração
5.- Incarnação - Anunciação
6.- A Natividade
7.- A Redenção
8.- A descida aos Infernos
9.- A Ressurreição
10.- A Ascensão
11.- Jesus Cristo à direita de Deus Pai
12.- Juízo Final
13.- Pentecostes
14.- A Igreja
15.- A Comunicação dos Santos
16.- A Remissão dos pecados
17.- A Ressurreição da carne
18.- O Paraíso
19.- O Inferno

Os Sacramentos

20.- A Graça
21.- O Baptismo
22.- A Eucaristia
23.- A Confirmação
24.- A Penitência
25.- A Extrema-Unção
26.- A Ordem
27.- O Matrimônio

Os Mandamentos


28.- Os mandamentos da lei de Deus


29.- 1º Mandamento de Deus: Adorar a um só Deus e amá-Lo sobre todas as coisas


30.- 1º Mandamento (continuação): Adorar a um só Deus e amá-Lo sobre todas as coisas


31.- 2º Mandamento de Deus: Não invocar o Santo Nome de Deus em vão


32.- 2º Mandamento de Deus (continuação): Não invocar o Santo Nome de Deus em vão


33.- 2º Mandamento de Deus (continuação): Não invocar o Santo Nome de Deus em vão


34.- 3º Mandamento de Deus: Santificar os Domingos e Festas de preceito


35.- 3º Mandamento de Deus (continuação): Santificar os Domingos e as Festas de preceito

36.- 4º Mandamento de Deus: Honrar pai e mãe


37- 4º Mandamento de Deus: Honrar pai e mãe


38.- 4º Mandamento de Deus: Honrar pai e mãe

39.- 4º Mandamento de Deus: Honrar pai e mãe

40.- 5º Mandamento de Deus: Não Matar

41.- 5º Mandamento de Deus: Não Matar

42.- 5º Mandamento de Deus: Não Matar

43.- 6º Mandamento de Deus: Guardar a Castidade

44.- 7º Mandamento de Deus: Não furtar

45.- 7º Mandamento de Deus: Não furtar (continuação)

46.- 8º Mandamento de Deus: 8º Mandamento de Deus: Não levantar falso testemunho

47.- 8º Mandamento de Deus: 8º Mandamento de Deus: Não levantar falso testemunho

49.- 8º Mandamento de Deus: 8º Mandamento de Deus: Não levantar falso testemunho

50.- 8º Mandamento de Deus: 9º Mandamento de Deus: Não desejar a mulher do próximo


51 - 10º Mandamento de Deus: Não cobiçar as coisas alheias


52.- Os Mandamentos da Igreja - 1º Mandamento da Igreja: Ouvir Missa inteira nos domingos e dias de guarda


53.- Os Mandamentos da Igreja - 2º Mandamento da Igreja: Confessar-se ao menos uma vez cada ano - 3º Mandamento da Igreja: Comungar pela Páscoa da Ressurreição

Diversos

54.- A Oração
55.- O Pai Nosso
56.- Ave Maria
57.- Os Novíssimos do homem
58.- A Morte
59.- O Juízo
60.- O pecado original
61.- Os pecados capitais
62.- Os pecados capitais
63.- Os pecados capitais
64.- As Virtudes teologais
65.- As Virtudes cardeais
66.- As Virtudes evangélicas
67.- As obras corporais de misericórdia
68.- As obras espirituais de misericórdia

Nenhum comentário:

Postar um comentário