quarta-feira, 19 de outubro de 2016

6 segredos para um Santo Rosário melhor

Apesar do óbvio poder do Rosário, muitos de nós o negligenciamos. Arranjamos desculpas: Falta-nos tempo. Ficamos entediados. É muito repetitivo. Não temos certeza se estamos a rezá-lo direito. Ficamos distraídos. Eu sei dessas desculpas porque eu mesmo delas me servia. Felizmente, eu agora superei a maior parte dessas desculpas. E você também pode





















O poder e a importância do Rosário

Oitocentos anos atrás, S. Domingos popularizou a recitação do Rosário e usou essa grande arma para derrotar a heresia albigense. Em 1571, a Europa foi ameaçada pelas forças muçulmanas do Império Otomano; Papa São Pio V pediu aos fiéis para rezar o Rosário e, contra grandes probabilidades, as forças cristãs prevaleceram na batalha de Lepanto, salvando a Europa. Mais recentemente, em 1917, como a Primeira Guerra Mundial recrudescesse e o mal do comunismo se espalhasse pelo mundo, a própria Nossa Senhora apareceu em Fátima e pediu que rezássemos o terço todos os dias para obter a paz no mundo.


Madonna do Rosário, por Caravaggio. S. Domingos (à esquerda) distribui Rosários para o povo.

Nossa negligência

Apesar do óbvio poder do Rosário, muitos de nós o negligenciamos. Arranjamos desculpas: Falta-nos tempo. Ficamos entediados. É muito repetitivo. Não temos certeza se estamos a rezá-lo direito. Ficamos distraídos.
Eu sei dessas desculpas porque eu mesmo delas me servia. Felizmente, eu agora superei a maior parte dessas desculpas. E você também pode.

S. Luis de Montfort e O Segredo do Rosário

Há dois anos, na festa de S. Luis de Montfort (28 de abril), eu fui inspirado a pegar seu livro, O Segredo do Rosário [e aqui, em português], há muito tempo negligenciado na minha estante. (Parte 1 do segredo do Rosário está disponível gratuitamente aqui em português aqui.)


Que livrinho esplêndido! Enquanto eu o lia, frequentemente me perguntava: “Por que ninguém me ensinou essas coisas?” Ou “Como pude me esquecer disso?”
Desde que S. Luis é um mestre muito melhor do que eu, pretendo compartilhar apenas alguns dos “segredos” deste santo aqui. Por favor, leia o resto você mesmo.

Segredo # 1 – O Rosário definido

Eu não posso melhorar parágrafo de abertura de S. Lois, por isso aqui vai:
O Rosário compreende duas coisas: a oração mental e a oração vocal. A oração mental do Santo Rosário não é mais que a meditação dos principais mistérios da vida, da morte e da glória de Jesus Cristo e de Sua Santíssima Mãe. A oração vocal consiste em dizer quinze dezenas de Ave-marias precedidas por um Pai-nosso enquanto que se meditam e se contemplam as quinze virtudes principais que Jesus e Maria praticaram nos quinze mistérios do Santo Rosário.

Segredo # 2 – O Saltério de Jesus e Maria

As 150 Ave Marias do Rosário correspondem aos 150 salmos no Saltério. Devido a isso, o Rosário é considerado o Saltério de Jesus e Maria. S. Luis mesmo proclama corajosamente que o Rosário é mais valioso do que o Saltério real, uma vez que os salmos somente prefiguram Cristo; considerando que as orações do Rosário — o Pai Nosso e Ave Maria — e os seus quinze mistérios estão centrados em Cristo.

Segredo # 3 – As Folhas, os Espinhos, e a Flor

Por que é chamado Rosário? Os Mistérios Gozosos são as folhas verdes da rosa; os mistérios dolorosos, os espinhos; os mistérios gloriosos, a flor. Com cada Ave-Maria, damos a Maria uma rosa branca; com cada Pai Nosso, uma rosa vermelha. Assim, na oração do Rosário completo (15 dezenas), damos a Maria 153 rosas brancas e 16 vermelhas. Um buquê completo para a nossa Mãe Santíssima!

Segredo # 4 – Conversão dos pecadores

Você deseja converter os pecadores? Pregue o Rosário. Reze o Rosário. Isso irá mudar corações. É simples assim.

Segredo # 5 – Vá de leve

Se você lutou com o Rosário, vá de leve. Ao invés de correr por cinco dezenas de uma só vez, considere rezar uma dezena devagar e bem rezada. Quando você começa uma nova dezena, pause e visualize o mistério antes de iniciar o Pai Nosso. (A ajuda visual da arte sacra pode ajudar!)
Começando a Rezar o Terço ou o Rosário:

+ Pelo Sinal da Santa Cruz + Livrai-nos Deus, Nosso Senhor + dos nossos Inimigos. + Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo, Amém.

V. Deus in adjutorium meum intende.
R. Domine, ad adjuvandum me, festina.
Gloria ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo, assim como era no princípio, agora e sempre, e por todos os séculos dos séculos. Amém.

Oferecimento:
Divino Jesus, eu Vos ofereço este Terço que vou rezar contemplando os mistérios de nossa Redenção. Concedei-me, pela intercessão de Maria, vossa Mãe Santíssima, a quem me dirijo, as virtudes que me são necessárias para bem rezá-lo e a graça de ganhar as indulgências anexas a esta devoção. (Ofereço-Vos, particularmente, este terço por...)

Credo - Segurando a Cruz, reza-se:

Creio em Deus Pai todo-poderoso, criador do céu e da terra; e em Jesus  Cristo, seu único Filho, Nosso Senhor; que foi concebido pelo poder do Espírito Santo; nasceu na Virgem Maria, padeceu sob Pôncio Pilatos, foi crucificado morto e sepultado; desceu aos infernos; ressuscitou ao terceiro dia; subiu aos céus, está sentado à direita de Deus Pai todo-poderoso, donde há de vir a julgar os vivos e os mortos;   creio no Espírito Santo, na santa Igreja Católica, na comunhão dos santos, na remissão dos pecados, na ressurreição da carne, na vida eterna. Amém.

Pai-Nosso - Segura-se a primeira conta grande e reza-se:

Padre nosso, que estais nos céus, santificado seja o vosso nome; venha a nós o vosso reino; seja feita a vossa vontade, assim na terra como no céu; o pão nosso de cada dia nos dai hoje; e perdoai-nos as nossas dívidas, assim como nós perdoamos aos nossos devedores; e não nos deixeis cair em tentação; Mas livrai-nos do mal.Amém.

Ave-Maria - Nas próximas três contas menores, reza-se:

Ave Maria, cheia de graça, o Senhor é convosco; bendita sois vós entre as mulheres e bendito é o fruto do vosso ventre, Jesus. Santa Maria, Mãe de Deus, rogai por nós, pecadores, agora e na hora de nossa morte.Amém.

Glória - Na próxima conta grande, reza-se:

Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo. Assim como era no princípio, agora e sempre, e por todos os séculos dos séculos. Amém.

Ó meu Jesus, perdoai-nos, livrai-nos do fogo do inferno, levai as almas todas para o Céu, e socorrei principalmente as que mais precisarem.

***


Mistérios Gozosos – Rezar às segundas e quintas-feiras

Primeiro Mistério

Nós vos oferecemos, Senhor Jesus, esta primeira dezena, em honra a vossa Encarnação no seio de Maria; e vos pedimos, por esse mistério, e por sua intercessão uma profunda humildade. Assim seja.
Pausa para meditar.
Rezar 1 Pai Nosso, segurando a conta maior que se segue.
Rezar 10 Ave Marias, segurando as 10 contas menores que se seguem.
Rezar 1 Glória ao Pai.
Em seguida, Ó Meu Jesus. ** Proceder da mesma forma nos mistérios seguintes.
Graças ao mistério da Encarnação, descei em nossas almas. Assim seja.

Segundo Mistério
Nos vos oferecemos, Senhor Jesus, esta segunda dezena, em honra da visitação de vossa santa Mãe à sua prima santa Isabel e da santificação de São João Batista; e vos pedimos, por esse mistério e pela intercessão de vossa Mãe Santíssima, a caridade para com o nosso próximo. Assim seja.
Pausa para meditar.
Pai Nosso, 10 Ave-Marias, Glória, Ó Meu Jesus.
Graças ao mistério da visitação, descei em nossas almas. Assim seja.

Terceiro Mistério
Nós vos oferecemos, Senhor Jesus, esta terceira dezena, em honra ao vosso nascimento no estábulo de Belém; e vos pedimos, por este mistério e pela intercessão de vossa Mãe Santíssima, o desapego dos bens terrenos e ao amor a pobreza. Assim seja.
Pausa para meditar.
Pai Nosso, 10 Ave-Marias, Glória, Ó Meu Jesus.
Graças ao mistério do nascimento de Jesus, descei em nossas almas. Assim seja.

Quarto Mistério
Nós vos oferecemos, Senhor Jesus, esta quarta dezena, em honra a vossa apresentação ao templo, e da purificação de Maria; e vos pedimos, por este mistério e por sua intercessão, uma grande pureza de corpo de alma. Assim seja.
Pausa para meditar.
Pai Nosso, 10 Ave-Marias, Glória, Ó Meu Jesus.
Graças ao mistério da purificação descei, descei em nossas almas. Assim seja.


Quinto Mistério
Nós vos oferecemos, Senhor Jesus, esta quinta dezena, em honra ao vosso reencontro por Maria; e vos pedimos, por este mistério; e por sua intercessão, a verdadeira sabedoria.
Pai Nosso, 10 Ave-Marias, Glória, Ó Meu Jesus.
Graças ao mistério do reencontro de Jesus, descei em nossas almas. Assim seja.


Mistérios Dolorosos – Rezar às terças e sextas-feiras

Sexto Mistério
Nós vos oferecemos, Senhor Jesus, esta sexta dezena, em honra a vossa agonia mortal no Jardim das Oliveiras; e vos pedimos, por este mistério e pela intercessão de vossa Mãe Santíssima, a contrição de nossos pecados. Assim seja.
Pausa para meditar.
Pai Nosso, 10 Ave-Marias, Glória, Ó Meu Jesus.
Graças ao mistério da agonia de Jesus, descei em nossas almas. Assim seja.

Sétimo Mistério
Nós vos oferecemos, Senhor Jesus, esta sétima dezena, em honra a vossa sangrenta flagelação; e vos pedimos, por este mistério e pela intercessão de vossa Mãe santíssima, a mortificação de nossos sentidos. Assim seja.
Pausa para meditar
Pai Nosso, 10 Ave-Marias, Glória, Ó Meu Jesus.
Graças ao mistério da flagelação de Jesus, descei em nossas almas. Assim seja.

Oitavo Mistério
Nós vos oferecemos, Senhor Jesus, esta oitava dezena, em honra de vossa coroação de espinhos; e vos pedimos por este mistério e pela intercessão de vossa Mãe Santíssima, o desprezo do mundo. Assim seja.
Pausa para meditar.
Pai Nosso, 10 Ave-Marias, Glória, Ó Meu Jesus.
Graças ao mistério da coroação de espinhos, descei em nossas almas. Assim seja.

Nono Mistério
Nós vos oferecemos, Senhor Jesus, esta nona dezena, em honra do carregamento da Cruz; e vos pedimos, por este mistério e pela intercessão de vossa Mãe Santíssima, a paciência em todas as nossas cruzes. Assim seja.
Pausa para meditar.
Pai Nosso, 10 Ave-Marias, Glória, Ó Meu Jesus.
Graças ao mistério do carregamento da cruz, descei em nossas almas. Assim seja.

Décimo Mistério
Nós vos oferecemos, Senhor Jesus, esta décima dezena, em honra a vossa crucificação e morte ignominiosa sobre o calvário; e vos pedimos por este mistério e pela intercessão de vossa Mãe Santíssima, a conversão dos pecadores, a perseverança dos justos e o alívio das almas do purgatório. Assim seja.
Pausa para meditar.
Pai Nosso, 10 Ave-Marias, Glória, Ó Meu Jesus.
Graças ao mistério da crucificação de Jesus descei em nossas almas. Assim seja.


Mistérios Gloriosos – Rezar às quartas-feiras, sábados e domingos.

Décimo Primeiro Mistério
Nós vos oferecemos, Senhor Jesus, esta undécima dezena, em honra a vossa ressurreição gloriosa; e vos pedimos, por este mistério e pela intercessão de vossa Mãe Santíssima, o amor a Deus e o fervor ao vosso serviço. Assim seja.
Pausa para meditar.
Pai Nosso, 10 Ave-Marias, Glória, Ó Meu Jesus.
Graças ao mistério da ressurreição, descei em nossas almas. Assim seja.

Décimo Segundo Mistério
Nós vos oferecemos, Senhor Jesus, esta duodécima dezena, em honra a vossa triunfante ascensão; e vos pedimos, por este mistério e pela intercessão de vossa Mãe Santíssima, um ardente desejo do céu, nossa cara pátria. Assim seja.
Pausa para meditar.
Pai Nosso, 10 Ave-Marias, Glória, Ó Meu Jesus.
Graças ao mistério da ascensão descei, em nossas almas. Assim seja.

Décimo Terceiro Mistério
Nós vos oferecemos, Senhor Jesus, esta décima terceira dezena, em honra do mistério de Pentecostes; e vos pedimos, por este mistério e pela intercessão de vossa Mãe Santíssima, a descida do Espírito Santo em nossas almas. Assim seja.
Pausa para meditar.
Pai Nosso, 10 Ave-Marias, Glória, Ó Meu Jesus.
Graças ao mistério de Pentecostes, descei em nossas almas. Assim seja.

Décimo Quarto Mistério
Nós vos oferecemos, Senhor Jesus, esta décima quarta dezena, em honra da ressurreição e triunfal assunção de vossa Mãe ao céu; e vos pedimos, por este mistério e por sua intercessão, uma terna devoção a tão boa mãe. Assim seja.
Pausa para meditar.
Pai Nosso, 10 Ave-Marias, Glória, Ó Meu Jesus.
Graças ao mistério da assunção descei em nossas almas. Assim seja.

Décimo Quinto Mistério
Nós vos oferecemos, Senhor Jesus esta décima quinta dezena, em honra da coroação gloriosa de vossa Mãe Santíssima no céu; e vos pedimos, por este mistério e por sua intercessão, a perseverança na graça e a coroa da glória. Assim seja.
Pausa para meditar.
Pai Nosso, 10 Ave-Marias, Glória, Ó Meu Jesus.
Graças aos mistérios da coroação gloriosa de Maria, descei em nossas almas. Assim seja.


Fazer a Saudação Final

Outra técnica a considerar é fazer uma pausa devotamente no nome de Jesus em cada Ave-Maria; você também pode adicionar uma breve frase que descreva Jesus naquele mistério particular. Assim, por exemplo, se você está recitando o Segundo Mistério Doloroso, a flagelação, você reza: “. . . e bendito é o fruto do vosso ventre, Jesus, açoitado pelos nossos pecados. Santa Maria, Mãe de Deus. . . “

Segredo # 6 – A Confraria do Rosário

S. Luis recomenda a adesão à Confraria do Rosário, que é uma sociedade de pessoas que concordam em rezar regularmente o Rosário. Filiação ordinária significa rezar todas as quinze dezenas a cada semana. Associação perpétua significa rezar todas as quinze dezenas, uma vez por ano. Outros concordam em rezar um Rosário completo de quinze dezenas todos os dias.
Ao juntar-se, você começa a partilhar as orações de inúmeros outros membros da Confraria em todo o mundo, mesmo após a morte. Para se inscrever entre aqui.
Para mim, a noção de filiação ordinária na Confraria — apenas quinze dezenas a cada semana, foi muito encorajadora. Isso equivale a cerca de duas dezenas por dia. Quem não tem tempo para rezar uma dezena aqui ou uma dezena lá? Recitando uma dezena em um determinado momento pode ser também uma ótima maneira para famílias com crianças pequenas começarem.

Resoluções

Se você tem negligenciado o Rosário, o livro de S. Luís de Montfort O Segredo do Rosário [e aqui, em português] pode ser exatamente o que você precisa para renovar o seu compromisso com esta devoção. E no mês de maio, que é dedicado à Virgem Maria, é um momento perfeito para começar.
Então, vamos tomar algumas resoluções: (1) Participe da Confraria do Rosário. (2) Gaste dez minutos em oração todas as noites, durante o mês de maio, lendo também O Segredo do Rosário [e aqui, em português]. (3) Comprometa-se a rezar pelo menos uma dezena do Rosário todos os dias durante o mês de maio.

Livro - O Segredo do Rosário - Baixe ou leia aqui!


Nenhum comentário:

Postar um comentário