sábado, 28 de agosto de 2010

Rosário Meditado

O ROSÁRIO MEDITADO


Por São Luiz Maria Grignion de Montfort



CREDO:

1º) Fé na presença de Deus;

2º) Fé no Evangelho;

3º) Fé e obediência ao Papa como Vigário de Jesus Cristo.



Padre Nosso: Unidade de um só Deus, vivo e verdadeiro.



1ª Ave Maria: Em honra do Pai Eterno, que gera seu Filho contemplando-se.

2ª Ave Maria: Em honra do Verbo eterno, igual ao Pai, que com Ele produz o Espírito Santo.

3ª Ave Maria: Em honra do Espírito Santo, que procede do Pai e do Filho por via de amor.



MISTÉRIOS GOZOSOS




1º Mistério - ANUNCIAÇÃO DO ANJO E ENCARNAÇÃO DO VERBO

Padre Nosso: Caridade de Deus, imensa.

1ª Ave Maria, para lamentar o desgraçado estado de Adão desobediente, sua justa condenação e a de todos os seus filhos.

Ave Maria, para honrar:



2ª os desejos dos patriarcas e profetas, que pediam a vinda do Messias;

3ª os desejos e as preces da Santíssima Virgem, que apressaram a vinda do Messias;

4ª a caridade do Pai Eterno, que nos deu Seu divino Filho;

5ª o amor do Filho, que se entregou por nós;

6ª a embaixada e a saudação do arcanjo Gabriel;

7ª o temor virginal de Maria;

8ª a fé e o consentimento da Santíssima Virgem;

9ª a criação da alma e a formação do Corpo de Jesus Cristo no seio de Maria, pelo Espírito Santo;

10ª a adoração do Verbo Encarnado, pelos anjos, no seio de Maria.



2º Mistério - VISITAÇÃO DE NOSSA SENHORA A SUA PRIMA ISABEL

Padre Nosso: Majestade de Deus, adorável.

Ave Maria, para honrar:

1ª o gozo do Coração de Maria e a morada durante 9 meses, do Verbo em seu seio;

2ª o sacrifício que Jesus Cristo fez de si mesmo ao Pai, ao entrar neste Mundo;

3ª as complacências de Jesus no seio humilde e virginal de Maria, e de Nossa Senhora, no gozo do seu Deus;

4ª a dúvida de São José acerca da maternidade de Maria;

5ª a eleição dos escolhidos, combinada entre Jesus e Maria, em seu seio;

6ª o fervor de Maria na sua visita a Santa Isabel;

7ª a santificação de João Batista no ventre de sua mãe;

8ª a gratidão da Santíssima virgem com Deus, no Magnificat;

9ª a sua caridade e humildade em servir sua prima;

10ª a mútua dependência de Jesus e de Maria, e a devoção que devemos ter para com um e outra.





3º Mistério - NASCIMENTO DE JESUS

Padre Nosso: Riquezas de Deus, infinitas.

Ave Maria, para honrar:

1ª os desprezos e injúrias feitas a Maria e a São José em Belém;

2ª a pobreza do estábulo onde Deus veio ao mundo;

3ª a alta contemplação e o excessivo amor de Maria no momento de dar à luz;

4ª a saída do Verbo Eterno do seio de Maria sem romper o selo de sua virgindade;

5ª as adorações e cânticos dos anjos no nascimento de Jesus;

6ª a formosura arrebatadora de Sua divina infância;

7ª a vinda dos pastores ao estábulo, com seus presentes;

8ª a circuncisão de Jesus Cristo e Suas dores amorosas;

9ª a imposição do nome de Jesus Cristo e suas grandezas;

10ª a adoração dos reis magos e seus presentes.



4º Mistério - PURIFICAÇÃO DE NOSSA SENHORA, APRESENTAÇÃO NO TEMPLO

Padre Nosso: Sabedoria de Deus, eterna.

Ave Maria, para honrar:

1ª a obediência de Jesus e de Maria à Lei;

2ª o sacrifício que ali fez Jesus de sua Humanidade;

3ª o sacrifício que ali fez Maria de sua honra;

4ª o gozo e os cânticos de Simeão e Ana, a profetisa;

5ª o resgate de Jesus pela oferenda de duas rolas;

6ª a matança dos santos inocente;

7ª a fuga de Jesus para o Egito, pela obediência de São José à voz do anjo;

8ª a estadia misteriosa no Egito;

9ª a Sua volta para Nazaré;

10ª o seu crescimento em idade, sabedoria e graça.





5º Mistério - ENCONTRO DE JESUS NO TEMPLO

Padre Nosso: Santidade de Deus, incompreensível.

Ave Maria, para honrar:

1ª a Sua vida oculta, laboriosa e obediente na casa de Nazaré;

2ª sua pregação e encontro no Templo entre os doutores;

3ª seu jejum e tentações no deserto;

4ª seu Batismo por São João Batista;

5ª sua pregação admirável;

6ª seus milagres portentosos;

7ª a eleição de seus 12 Apóstolos e os poderes que lhes dá;

8ª sua transfiguração maravilhosa;

9ª o lava-pés dos Apóstolos;

10ª a instituição da Sagrada Eucaristia.

MISTÉRIOS DOLOROSOS






1º Mistério - AGONIA DE JESUS NO HORTO



Padre-Nosso: Felicidade de Deus, essencial.

Ave Maria, para honrar:

1ª os divinos retiros que fez Jesus em Sua vida, principalmente no horto;

2ª suas orações humildes e fervorosas durante Sua vida e na véspera da Paixão;

3ª a paciência e doçura com que suportou Seus Apóstolos, particularmente no Horto;

4ª o tédio de sua Alma durante toda a Sua vida, principalmente no Horto;

5ª os rios de sangue que a dor fez brotar de seu Ser adorável;

6ª o consolo que teve por bem aceitar de um anjo na agonia;

7ª sua conformidade com a Vontade do Pai, apesar da repugnância de Sua natureza;

8ª Sua traição por Judas e prisão pelos judeus;

9ª o valor com que saiu ao encontro dos algozes e a força da palavra com que os lançou por terra e os levantou;

10ª o abandono que sofreu de Seus Apóstolos.



2º Mistério - A FLAGELAÇÃO

Padre-Nosso: Paciência de Deus, admirável.

Ave Maria, para honrar:

1ª as cordas com que Jesus foi atado;

2ª a bofetada que recebeu em casa de Caifás;

3ª as negações de São Pedro;

4ª as ignomínias que sofreu em casa de Herodes, quando lhe puseram a veste branca;

5ª o despojamento de Suas vestes;

6ª os desprezos e insultos que sofreu de Seus verdugos pela Sua nudez;

7ª as varas espinhosas e os açoites cruéis com que foi golpeado;

8ª a coluna em que foi atado;

9ª o sangue que derramou e as chagas que recebeu;

10ª a Sua queda pela fraqueza no sangue que derramou.





3º Mistério – COROAÇÃO DE ESPINHOS

Padre-Nosso: Formosura de Deus, inefável.

Ave-Maria, para honrar:

1ª o despojamento de Suas vestes pela terceira vez;

2ª a Sua coroa de espinhos;

3ª o véu com que Lhe vendaram os olhos;

4ª as bofetadas e os escarros com que Lhe cobriram o rosto;

5ª o andrajo que Lhe puseram sobre os ombros;

6ª a cana que Lhe puseram nas mãos;

7ª a pedra pontiaguda sobre a qual O sentaram;

8ª os ultrajes e os insultos que Lhe fizeram;

9ª o sangue e os suores que saíam de Sua cabeça adorável;

10ª os cabelos e a barba que Lhe arrancaram.





4º Mistério - JESUS CARREGA A CRUZ

Padre-Nosso: Onipotência de Deus, sem limites.

Ave-Maria, para honrar:

1ª apresentação de Nosso Senhor diante do povo com o “Ecce Homo”;

2ª o haver sido preferido a Barrabás;

3ª os falsos testemunhos que contra Ele deram;

4ª Sua condenação à morte;

5ª o amor com que abraçou e beijou a Cruz;

6ª o trabalho espantoso que teve em carregá-la;

7ª as quedas de pura debilidade sobre Seu peso;

8ª o encontro doloroso com Sua Santa Mãe;

9ª o véu de Verônica, no qual Seu rosto se estampou;

10ª suas lágrimas, as de Sua Santa Mãe e das piedosas mulheres que O seguiram até o Calvário.





5º Mistério – A CRUCIFICAÇÃO

Padre-Nosso: Justiça de Deus, espantosa.

Ave Maria, para honrar:

1ª as cinco chagas de Jesus e o sangue que derramou na cruz;

ª seu coração traspassado e a Cruz em que foi crucificado;

3ª os cravos e a lança que O atravessaram;

4ª a vergonha e a infâmia que sofreu, sendo crucificado entre dois ladrões;

5ª a compaixão de Sua Mãe Santíssima;

6ª as 7 últimas palavras;

7ª Seu desamparo e Seu silêncio;

8ª a aflição de todo o Universo;

9ª Sua morte cruel e ignominiosa.

10ª a descida da Cruz e sepultamento.



MISTÉRIOS GLORIOSOS




1º Mistério - A RESSURREIÇÃO DE JESUS

Padre-Nosso: Eternidade de Deus, sem princípio.

Ave Maria, para honrar:

1ª a descida da Alma de Nosso Senhor aos Infernos;

2ª o gozo e a saída das almas dos Santos Padres que estavam no Limbo;

3ª a reunião de Sua Alma e de Seu Corpo no sepulcro;

4ª sua milagrosa saída do Sepulcro;

5ª suas vitórias sobre a morte, o pecado, o mundo e o demônio;

6ª os quatro dons gloriosos de Seu Corpo;

7ª O poder que Lhe deu Seu pai no céu e na terra;

8ª as aparições com que honrou Sua Santa Mãe;

9ª as conversações sobre o Céu e a Ceia que fez com Seus Apóstolos;

10ª a autoridade e missão que lhes deu, para que fossem pregar por toda a Terra.





2º Mistério – ASCENSÃO DE JESUS

Padre-Nosso: Imensidade de Deus, sem limites.

Ave Maria, para honrar:

1ª a promessa que fez Jesus aos Apóstolos de lhes enviar o Espírito Santo, e a ordem que lhes deu de se prepararem para O receber;

2ª a reunião no Monte das Oliveiras;

3ª a benção que lhes deu ao se elevar da Terra aos Céus;

4ª Sua gloriosa e admirável Ascensão por Sua própria virtude até o Céu Empíreo;

5ª O recebimento e o triunfo que lhe fez Deus, Seu Pai, e toda a corte celestial;

6ª o poder triunfante com que abriu as portas do Céu, onde nenhum mortal havia entrado;

7ª seu assento à direita do Pai, como Seu Filho querido, igual a Ele mesmo;

8ª o poder que Lhe deu de julgar os vivos e os mortos;

9ª Sua última vinda sobre a Terra, na qual Seu poder e majestade aparecerão em todo o seu esplendor;

10ª a justiça que fará no último Juízo, recompensando os bons e castigando os maus por toda a eternidade.





3º Mistério - VINDA DO ESPÍRITO SANTO SOBRE MARIA E OS APÓSTOLOS

Padre-Nosso: Providência de Deus, universal.

Ave Maria, para honrar:

1ª a Verdade do Espírito Santo, Deus que procede do Pai e do Filho, e que é o Coração da Divindade;

2ª o dom do Espírito Santo pelo Pai e pelo Filho sobre os Apóstolos;

3ª o grande estrondo com que desceu, sinal de Sua força e Seu poder;

4ª as línguas de fogo que enviou sobre os Apóstolos, para lhes dar a inteligência das Escrituras, o amor de Deus e do próximo;

5ª a plenitude de graças com que distinguiu Maria, Sua fiel esposa;

6ª Sua conduta maravilhosa, com os santos e com o próprio Jesus Cristo, a quem guiou durante toda a vida;

7ª os 12 frutos do Espírito Santo;

8ª os 7 dons do Espírito Santo;

9ª para pedir em particular o dom da Sabedoria e a vinda de Seu reino aos corações;

10ª para obter a vitória sobre os três espíritos que Lhe são opostos, a saber: o espírito da carne, do mundo e do demônio.



4º Mistério – ASSUNÇÃO DE NOSSA SENHORA



Padre-Nosso: Liberalidade de Deus, inenarrável.

Ave Maria, para honrar:

1ª a predestinação eterna de Maria, como obra-prima das mãos de Deus;

2ª Sua Conceição Imaculada, a plenitude de graças e o uso da razão no seio de sua mãe;

3ª Sua Natividade que regozijou todo o Universo;

4ª Sua apresentação e sua vida no Templo;

5ª Sua vida admirável e isenta de todo pecado;

6ª a plenitude de suas virtudes singulares;

7ª Sua virgindade fecunda e seu parto sem dor;

8ª Sua maternidade divina e sua aliança com a Santíssima Trindade;

9ª Sua morte preciosa e cheia de amor;

10ª Sua Ressurreição e Assunção triunfante.



5º Mistério - COROAÇÃO DE NOSSA SENHORA RAINHA DOS CÉUS

Padre-Nosso: Glória de Deus, inacessível.

Ave Maria, para honrar:

1ª a tríplice coroa com que a Santíssima Trindade coroou Maria;

2ª o gozo e a glória nova que recebeu o Céu por seu triunfo;

3ª para reconhecê-la como Rainha do Céu e da Terra, dos anjos e dos homens;

4ª a tesoureira e dispensadora de todas as graças de Deus, dos méritos de Jesus Cristo e dos dons do Espírito Santo;

5ª a Medianeira e Advogada dos homens;

6ª a destruidora e dispensadora de todas as graças de Deus, dos méritos de Jesus Cristo e dos dons do Espírito Santo;

7ª o refúgio seguro dos pecadores;

8ª a mãe e nutriz dos cristãos;

9ª a que é gozo e doçura dos justos;

10ª a que é asilo universal dos vivos, consolo todo-poderoso dos aflitos, dos moribundos e das almas do purgatório.

Fonte:

http://a-grande-guerra.blogspot.com/2009/09/rosario-meditado.html

sexta-feira, 20 de agosto de 2010

As Quinze Promessas de Nossa Senhora Aos Cristãos Que Recitam O Rosário


As Quinze Promessas de Nossa Senhora Aos Cristãos Que Recitam O Rosário







1. A quem me sirva, rezando diariamente meu Rosário, receberá qualquer graça que me peça.


2.Prometo minha especialíssima proteção e grandes benefícios aos que devotamente rezem meu Rosário.

3. O Rosário será um fortíssimo escudo de defesa contra o inferno, destruirá os vícios, livrará dos pecados e exterminará as heresias.


4. O Rosário fará germinar as virtudes este também fará que seus devotos obtenham tudo da misericórdia divina; substituirá no coração dos homens o amor do mundo pelo amor por Deus e os elevará a desejar as coisas celestiais e eternas.


Quantas almas por este meio se santificarão !.


5. A alma que se encomende pelo Rosário não perecerão.

6. Aquele que com devoção rezar meu Rosário, considerando os mistérios, não se verá oprimido pela desgraça, nem morrerá morte desgraçada; se converterá, se é pecador; perseverará nas graças, se é justo, e em todo caso será admitido na vida eterna.

7. Os verdadeiros devotos de meu Rosário não morrerão sem auxílios da Igreja.


8. Quero que todos os devotos de meu Rosário tenha em vida e em morte a luz e a plenitude da graça, e sejam participantes dos méritos dos bem-aventurados.


9. Livrarei de pronto do purgatório as almas devotas do Rosário.


10. Os Filhos verdadeiros de meu Rosário desfrutarão no Céu uma Glória singular.

11. Todo o que se pedir por meio do Rosário se alcançará prontamente.

12. Socorrerei em todas as suas necessidades aos que propaguem meu Rosário.

13. Todos os que rezarem o Rosário terão por irmãos na vida e na morte a os bem-aventurados do Céu.

14. Os que rezam meu Rosário são todos filhos meus muito amados e irmãos de meu Unigênito Jesus.

15. A devoção ao Santo Rosário é um sinal de predestinação a Glória.

http://www.oracoes.info/Ros.html

domingo, 8 de agosto de 2010

A Oração do Santo Rosário





O Rosário é o meio de salvação dos mais poderosos e eficazes que nos é oferecido pela Divina Providência contra Satanás e seus sequazes, que procuram perder as almas.


Haverá alguma devoção mais importante?

Quem nos responde a esta pergunta é o próprio Santo São Luís Maria Grignion de Montfort (1673 –1716), grande apóstolo de Maria Santíssima, ao escrever:

“A Santíssima Virgem revelou ao Bem-aventurado Alain de la Roche que, depois do Santo Sacrifício da Missa, que é o primeiro e mais vivo memorial da Paixão de Jesus Cristo, não havia devoção mais excelente e meritória que o Rosário, que é como que um segundo memorial e representação da vida e da Paixão de Jesus Cristo”.

O Rosário vem do latim Rosarium que quer dizer: COROA DE ROSAS. Todas as vezes que dizemos uma Ave-Maria é como se déssemos a Nossa Senhora uma linda rosa; com cada Rosário completo Lhe damos uma coroa de rosas. Assim como nossa Mãe Co-redentora que É, intercede á Deus pela nossa Salvação.

O Rosário é composto de 153 Ave-Marias, correspondente aos 150 Salmos da Bíblia (ao Saltério de Davi), mais as 03 Ave-Marias no início do Rosário correspondente a Saudação Angélica do Arcanjo Gabriel, (o Ângelus), anunciando e agradecendo a DEUS a nossa Salvação por JESUS CRISTO; perfazendo assim os 153 grandes peixes que São Pedro e seus discípulos pescaram no lago de Tiberíades, na terceira vez que JESUS se manifestou aos seus discípulos, após a Sua RESSURREIÇÃO. É a misteriosa pesca milagrosa de que fala a Bíblia. Veja no Evangelho de João 21, 1-15.

O Rosário é a rede que pesca almas para Deus, com o auxílio da Mãe de Deus. Os discípulos sozinhos não pescaram nada. Com Jesus os discípulos pescaram tudo.

Sem o auxilio e a intervenção de DEUS e de MARIA e todo o Céu, nada podemos e nada fazemos.

O nome Terço quer dizer a terceira parte do Rosário. Para rezar o Rosário completo é necessário rezar três vezes o terço perfazendo as 153 Ave-Marias.


Rosa das rosas, Rainha das rainhas.


Nossa Senhora é a Rosa Mística (como é invocada na Ladainha Lauretana), e em sua homenagem o nome Rosário, que vem de Rosas. A Virgem Maria revelou a muitas pessoas que cada vez que rezam uma Ave Maria lhe é entregue uma Rosa espiritual, e por cada Rosário completo, lhe é entregue uma Coroa de Rosas.

A rosa é a rainha das flores, Rosa das rosas, como é a Rainha das rainhas. sendo assim o Rosário a Rosa de todas as devoções e, portanto, a mais importante.

O Santo Rosário é considerado a oração perfeita porque junto com ele está a majestosa história de nossa salvação. Com o rosário, meditamos os mistérios de gozo, de dor e de glória de Jesus e Maria. É uma oração simples, humilde como Maria. É uma oração que podemos fazer com ela, a Mãe de Deus. Com o Ave Maria a convidamos a rezar por nós. A Virgem sempre nos dá o que pedimos. Ela une sua oração à nossa. Portanto, esta é mais poderosa, porque Maria recebe o que ela pede, Jesus nunca diz não ao que Sua Mãe lhe pede. Em cada uma de suas Aparições, nos convida a rezar o Rosário como uma

O Poder do Santo Rosário






São Luís Maria Grignion de Montfort (1673 –1716), grande apóstolo de Maria Santíssima, escreveu:

“A Santíssima Virgem revelou ao Bem-aventurado Alain de la Roche que, depois do Santo Sacrifício da Missa, que é o primeiro e mais vivo memorial da Paixão de Jesus Cristo, não havia devoção mais excelente e meritória que o Rosário, que é como que um segundo memorial e representação da vida e da Paixão de Jesus Cristo”.

Assim sendo, depois da Santa Missa o Santo Rosário é a mais poderosa arma de eficácia comprovada contra Satanás e seus sequazes, que procuram perder as almas.

É um meio de salvação dos mais poderosos e eficazes que nos foi oferecido pela Divina Providência.

O Rosário soluciona inúmeros problemas, assegura a salvação eterna e antecipa a implantação no mundo do Reino do Imaculado Coração de Maria.


O Rosário, Instrumento de Salvação.



(Extraído do livro: A eficácia maravilhosa do Santo Rosário,

de São Luís Maria Grignion de Montfort)



A Santíssima Virgem revelou ao Beato Alano que, quando São Domingos pregou o Rosário, pecadores endurecidos foram tocados e choraram amargamente seus crimes, e até crianças fizeram penitências incríveis.



O fervor foi tão grande, por toda a parte onde ele pregava, que os pecadores mudaram de vida e edificaram todo o mundo por suas penitências.



Se vós sentis vossa consciência carregada de pecados, tomai o Rosário e rezai uma parte dele em honra de alguns dos mistérios da vida, da paixão ou da glória de Jesus Cristo.



Convencei-vos de que, enquanto estiverdes meditando e honrando esses mistérios, no céu Ele mostrará suas chagas sagradas ao Pai, tomará a vossa defesa e obterá a contrição e o perdão dos vossos pecados. Ele mesmo disse um dia ao Beato Alano: "Se esses míseros pecadores rezassem frequentemente o Rosário, participariam dos méritos da minha paixão e Eu, como seu advogado, aplacaria a Justiça divina".



Nossa vida é uma guerra e uma tentação contínuas, na qual não temos que combater inimigos de carne e de sangue, mas as próprias potências do inferno.

Armai-vos, pois, com a arma de Deus que é o santo Rosário. Esmagareis assim a cabeça do demônio e permanecereis inabaláveis diante de todas as suas tentações.

É por isso que o Rosário, ainda que considerado materialmente, é tão terrível ao demônio, e os Santos dele se serviram para expulsá-lo dos corpos de possessos, como testemunham muitas narrativas.


O Beato Alano atesta que livrou grande número de possessos colocando o Rosário em seu pescoço.


Santo Agostinho assegura que não há exercício mais frutuoso e mais útil para a salvação do que pensar frequentemente nos sofrimentos de Nosso Senhor.


Santo Alberto Magno, mestre de São Tomás, soube por revelação que a simples lembrança ou meditação da paixão de Jesus Cristo é mais meritória ao cristão do que jejuar a pão e água todas as sextas-feiras de um ano inteiro, ou tomar a disciplina até o sangue todas as semanas, ou recitar todos os dias os cento e cinqüenta Salmos.


O Padre Dorland conta que a Santíssima Virgem declarou ao venerável Domingos, cartuxo devoto do santo Rosário, que residia em Trèves no ano de 1481, que "todas as vezes que um fiel recita o Rosário com as meditações dos mistérios da vida e da paixão de Jesus Cristo em estado de graça, ele obtém plena e inteira remissão de todos os seus pecados".


Ao Beato Alano, Ela disse: "Grande quantidade de indulgências foram concedidas ao meu Rosário, mas fica sabendo que Eu acrescentarei ainda muitas mais, aos que rezarem o terço em estado de graça, de joelhos e devotamente. E a quem nas mesmas condições perseverar nessa devoção, Eu lhe obterei no fim da vida, como recompensa por esse bom serviço, a plena remissão da pena e da culpa de todos os seus pecados".