domingo, 15 de julho de 2012

Trigésima-Nona Rosa - A Paróquia Transformada




A Paróquia Transformada

Um padre dinamarquês costumava contar com orgulho que tinha obtido o mesmo resultado, que acontecera na diocese do Bispo, também ocorrera em sua paróquia. Frequentemente contava este incidente com grande regozijo de alma porque isto dava glória ao Poderoso DEUS. Ele dizia:

“Tinha pregado, o mais convincente que podia, abrangendo vários aspectos de nossa Fé Santa, e utilizando todo argumento plausível a fim de levar as pessoas a se converterem. Mas apesar de todo meu esforço, eles continuavam indiferentes da mesma forma como antes; e foi então que resolvi pregar o Santo Rosário.

Disse a minha congregação quão precioso ele é e ensinei-lhes a rezá-lo. Continuei a pregar o Santo Rosário e a devoção se enraizou na minha paróquia. Seis meses depois, eu já me regozijava em ver aquelas pessoas haviam mudado para melhor. Como é verdadeiro que a Oração que DEUS nos tem poder divino, o poder de tocar nossos corações e enchê-los de horror ao pecado e de amor às virtudes.”

Um dia Nossa Senhora disse ao Bem-aventurado Alano: “Tal qual o Poderoso DEUS escolheu a Saudação Angélica para concretizar a Encarnação de Sua Palavra e a Redenção da humanidade, da mesma forma aqueles que querem realizar reformas morais e que quiserem que as pessoas renasçam em JESUS CRISTO, devem honrar-me e saudar-me com a mesma saudação. Eu sou o canal pelo qual DEUS veio aos homens, e estou perto de meu FILHO JESUS CRISTO, e através de mim que os homens obtêm graça e virtude.”

Quanto a mim, escrevo estas páginas, aprendi por minha própria experiência que o Rosário tem o poder de converter mesmo o coração mais endurecido. Conheci as pessoas que foram às missões e que ouviram sermões sobre as coisas mais aterrorizantes sem ficaram nem um pouco comovidas; e porém, após terem começado a rezar o Rosário, diariamente, segundo meu conselho, elas eventualmente se converteram e se deram completamente a DEUS.

Quando volto a visitar as paróquias, onde eu dei missões, noto uma tremenda diferença. Naquelas paróquias onde as pessoas haviam desistido do Rosário, elas geralmente voltaram ao modo pecaminoso, enquanto nos lugares onde o Rosário era rezado fielmente, encontrei as pessoas perseverando na graça de DEUS e progredindo a cada dia em virtude.


43º Capitulo - Extraído do Livro "O Segredo do Rosário" São Luiz M. Grignion de Montfort

Nenhum comentário:

Postar um comentário